Últimas

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Tenente Coronel do exército assedía recrutas para fazer sexo



Orgias e assédio sexual dentro do exército brasileiro. No centro da polêmica está um coronel do exército, comandante do hospital do exército em Marabá, no Pará. Segundo as denúncias, a praia do Lençol, em Marabá, no Pará é um dos lugares em que o tenente coronel Alberto Almeida promovia encontros sexuais com recrutas. Em troca, os soldados garantiriam a seqüência na carreira. O tenente coronel também foi acusado de promover festas que eram usadas para seduzir os soldados novatos.

Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Editado por - Grupo Bizolhudo