Ultimas Postagens

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Fim do caso Bianca - Cunhado é preso pelo assassinato dela


O motoboy Sandro Dota, 40 anos, foi preso ontem, segunda-feira, sob a suspeita de ter matado a cunhada, a universitária Bianca Ribeiro Consoli, 19, em setembro.

O DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa), da Polícia Civil de São Paulo, conseguiu que a Justiça decretasse a prisão preventiva de Dota após a realização de um exame com pedaços de pele colhidos sob as unhas de Bianca e que deram resultado positivo para o DNA do motoboy.

Dota não tinha aceitado fornecer à polícia seu material biológico para fazer a comparação. A polícia, no entanto, conseguiu fazer o confronto a partir do material biológico retirado das roupas que o acusado usava no dia do crime.

O suspeito encontra-se isolado na sede do DHPP, no bairro da Luz, na Capital. Ele já tem passagem pela polícia por furto. Mesmo após ser detido, o motoboy afirmou que é inocente.

O caso - Bianca foi encontrada morta na casa onde morava, em São Mateus, no dia 13 de setembro. Ela tinha um saco plástico na cabeça e sinais de enforcamento.

De acordo com a SSP (Secretaria da Segurança Pública), os pais da jovem estavam trabalhando quando o crime aconteceu. A tia, que mora em uma residência vizinha, estranhou o fato de a janela vizinha estar aberta e o televisor e as luzes, ligadas.

A mãe de Bianca chegou em casa por volta das 20h e, por estar sem a chave do portão, pediu para um sobrinho pular o muro para destrancá-lo. Quando a tia e a mãe entraram, encontraram a jovem caída na sala. Alguns móveis estavam revirados, mas nada foi roubado.

3 comentários:

  1. Infelizmente esse vagabundo passará, no máximo, sete anos preso. Na verdade, devia ser morto por fuzilamento. No dia do crime ele apareceu com arranhões nos braços e com a calça suja de sangue. Já devia ter sido preso na mesma hora. Uma pena não ter pena de morte no Brasil...

    ResponderExcluir
  2. ele tem que morrer na cadeia enforcado pelos colegas de sela.

    ResponderExcluir
  3. esse assassino merecia cadeira elétrica ou morrer na prisão pena que o nosso pais não tem, e da qui um tempo ele estará solto nova mente, convivendo com a sociedade

    ResponderExcluir

Receba nossas notícias:

Traduzido Por: Grupo Bizulhudo - 2014